A ESCOLHA SUTIL

Por Leandro Bertoldo Silva.

Uma manhã estava levando minha filha para a escola, quando ela viu uma borboleta:

– Olha, pai! Uma borboleta toda preta! Que linda!

Quando olhei, já a vi pousada, mas Yasmin a havia observado em voo, antes mesmo de mim. As crianças sempre têm olhos mágicos…
Após admirar a borboleta por algum tempo, seguimos nosso caminho. Quando voltei, ela ainda estava lá, no mesmo lugar… Muita gente passava, mas ninguém a reparava… Talvez por ser pequena demais, talvez por estar em um lugar muito feio próxima a uma parede mal pintada de um azul desbotado.
Mas… Sendo generoso com meus olhos, não é que ela se exibia em uma praia de areias brancas sob um lindo céu azul?
Não sei o que você “escolhe” ver na vida, mas guardei essa lembrança em haicai para minha filha. Ela tem olhos mágicos…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s